Calendário de acidentes infantis

Embora todas as crianças possam ser afectadas por acidentes muito distintos, alguns muito comuns ao longo de toda a vida, como por exemplo os acidentes de circulação quando se viaja de automóvel, como a frequência de outros varia consoante cada etapa de evolução em função do desenvolvimento psicomotor e as actividades das crianças, convém que os pais tenham em conta os principais riscos e adoptem as oportunas medidas para os prevenir.

Embora todas as crianças possam ser afectadas por acidentes muito distintos, alguns muito comuns ao longo de toda a vida, como por exemplo os acidentes de circulação quando se viaja de automóvel, como a frequência de outros varia consoante cada etapa de evolução em função do desenvolvimento psicomotor e as actividades das crianças, convém que os pais tenham em conta os principais riscos e adoptem as oportunas medidas para os prevenir.

No bebé até aos 3 meses, a sua atitude totalmente passiva faz com que os acidentes mais comuns sejam as quedas enquanto se veste ou muda as fraldas e a asfixia, independentemente de ser por sufocação com uma almofada que, imprudentemente se tenha deixado no berço ou por estrangulamento com alguma fita ou material que se possa enrolar à volta do seu pescoço. No bebé entre os 3 e os 6 meses, que se movimenta mais e leva tudo à boca, são igualmente frequentes as quedas e a aspiração de corpos estranhos de pequenas dimensões que fiquem ao seu alcance. Entre os 6 e os 12 meses, altura em que já gatinha e se desloca livremente mexendo em tudo o que encontra, aumenta o risco de quedas significativas (escadas) e também o da aspiração de corpos estranhos, electrocussão e afogamento.

Entre os 12 meses e os 4 anos de idade e à medida que a criança vai desenvolvendo a sua capacidade de movimento e também a curiosidade, vai aumentando essencialmente o perigo de intoxicação, queimaduras, quedas de grande altura (varandas e janelas) e os acidentes de viação na rua (atropelamentos).

A partir dos 5 anos e, à medida que vai aumentando a sua autonomia, vai subindo o perigo de acidentes de viação (criança peão e ciclista), quedas perigosas e afogamento.
Para saber mais consulte o seu Pediatra
Este artigo foi útil?
Artigos relacionados
Procurar Médicos
Precisa de ajuda?
Porque perguntamos?
PEDIATRASVer todos
Dor lombar e ciática Aparelho locomotor/exercício físico
Dor cervical Aparelho locomotor/exercício físico
Artrose Aparelho locomotor/exercício físico
Nódulos e pólipos das cordas vocais Aparelho respiratório/glândulas endócrinas
Lesões dos meniscos Aparelho locomotor/exercício físico
Tumores benignos do ovário Aparelho reprodutor/sexualidade